Os Três Momentos do Mercado Forex - Parte I

mercado forex

Eu já vinha planejando há algum tempo, fazer uma postagem explicativa, mostrando como os preços do mercado forex se comportam durante todos os momentos de negociação. E utilizando o price action de maneira correta, poderemos obter vantagens de cada momento que os preços estejam. Eles tendem a andar em várias direções, com momentos de calmaria, picos de depressão e de euforia. Além de que, às vezes, eles gostam de nos dar sinais de que estão prestes a mudar de direção.

Os pares de moedas, graças às facilidades de negociarmos comprados ou vendidos, podem ser minas de ouro em qualquer período de tempo, seja nos gráficos de minutos ou nos diários. Esta postagem levaria muitas linhas para poder mostrar a você como os preços se movimentam, e o melhor, como podemos aproveitar cada situação em que se encontrem. Assim, podemos lucrar muitos PIP's na nossa conta de negociação forex.

Para utilizarmos o PRICE ACTION de maneira correta, precisamos saber que o mercado forex se comporta em três fases distintas e independentes: tendências, faixas de negociação e reversões.

Tendência


Quando os gráficos nos informam que o mercado está numa tendência, é sinal de que estamos diante de um ótimo sinal para entrar numa operação. Uma tendência deve ser respeitada ao pé da letra, principalmente pelos operadores do mercado forex. Operar contra a tendência é o mesmo que dirigir um veículo pela contramão de uma rodovia federal. Seguir o rumo da grande massa nem sempre é uma péssima ideia. No forex, seguir e surfar a onda principal é sinal de segurança.

Numa tendência de alta, os preços tendem a seguir picos e fundos mais altos. Numa tendência de baixa, os fundos e picos tendem a ser mais baixos que os anteriores. Isso acaba formando padrões, os quais acabam sendo representados nos gráficos.

Tendência de alta


A tendência de alta nos dá uma regra básica e fundamental para operar forex: Opere na compra. “Comprar” é a palavra mais sábia para quem vai operar forex numa tendência de alta. Não existe outra saída. É comprar ou ficar de fora. A probabilidade de acerto em cada negociação é muito grande. Por tanto, se for operar numa tendência de alta, entre somente comprado.

Como identificar uma tendência de alta?


A teoria é simples. Se você identificar topos mais altos que os anteriores, bem como fundos também, é um belo sinal de que estamos numa tendência de alta. Porém, podemos refinar essa análise utilizando a análise técnica ou PRICE ACTION. Neste tipo de análise precisaremos ver o gráfico de determinado par de moedas, plotado num software de análise técnica. Veja a imagem abaixo que representa o EUR/USD plotado no metatrader 4, no gráfico diário.

tendência de alta
Tendência de alta


Linha de tendência de alta


Nele, podemos ver nitidamente que os preços se apresentam uma tendência de alta. Topos mais altos e fundos também. Isso nos diz que os touros estão no poder(BULL MARKET). Para deixar a tendência mais nítida, podemos utilizar a clássica linha de tendência. Esta maravilhosa ferramente nos dará duas informações importantes. A primeira dela é a de que estamos seguindo uma tendência. Isso fica claro quando construímos a nossa linha de tendência de alta. A sua inclinação nos informará qual a direção do mercado. Como estamos falando de uma tendência de alta, somente a inclinação para cima contará e deverá ser respeitada.

A segunda informação é mais prática. Veja só, se estamos nua tendência de alta, é lógico que deveremos operar na compra. E como queremos comprar, é melhor comprar a “preços de banana”. E a região onde os preços tocam nessa linha de tendência de alta é onde encontram-se os “preços de banana”, sacou? Compre barato e venda caro.

Se você quiser uma visão mais ampla de qual tendência o mercado está seguindo, poderá utilizar uma média móvel de sua preferência. A inclinação da média móvel informará se o mercado está em alta. Porém, as linhas de tendência nos dão essa informação também, além de nos dar bons pontos de entrada.

Tendência de baixa


Uma tendência de baixa poderá ser identificada após o reconhecimento de topos e fundos menores que os anteriores. O mercado está com o sentimento baixista(BEAR MARKET), e assim devemos operar vendidos, apenas. As chances de entrarmos em uma operação vencedora, vendendo numa tendência de baixa, é altíssima.

Como identificar uma tendência de baixa?


De forma mais ampla e genérica, podemos dizer se o mercado está numa tendência de baixa analisando os seus topos e fundos recentes. Se forem mais baixos que os anteriores, logicamente estamos numa tendência de baixa. Porém, podemos utilizar algumas ferramentas da análise técnica para identificar uma tendência baixista. As duas principais são a média móvel e a linha de tendência.

Veja a imagem abaixo, representando o EUR/USD num período de queda.

tendência de baixa
tendência de baixa


Linha de tendência de baixa


A linha de tendência de baixa deve iniciar-se a partir do ponto mais alto da tendência. Traçando uma linha diagonal, com inclinação para baixo, até o topo mais baixo. Percebam que em algumas vezes os preços voltam a tocar a linha de tendência, em outras, isso não chega a acontecer. Porém é bem nítida a tendência de baixa quando lançamos uma linha. Operar na região próxima da linha nos dá mais segurança para entrar nas operações, além de que essas zonas nos dizem que os preços podem estar muito caros. E por se tratar de uma tendência de baixa, procuraremos vender a preços “caros”.

Uma média móvel, também, poderá ser plotada no gráfico. Porém ela não nos dá pontos bons de entradas, ao menos na técnica de PRICE ACTION. Em outra oportunidade trarei uma estratégia de operação utilizando médias móveis.Mas o que você deve se atentar, ao operar numa tendência, é que você deve investir na direção da mesma. Ou seja, se a tendência for de alta, compre. Se for uma tendência de baixa, venda. Se você quiser aprender mais sobre as técnicas de operação do Price Action, conheça o nosso e-Book Price Action para Forex. No nosso canal do Youtube disponibilizamos vídeos explicativos de como operar forex através do price action.

Junior Dias é um Trader Full Time no Mercado Forex desde 2010. Junior desistiu de tentar controlar o mercado e começou a ser lucrativo quando entendeu que não é a uma estratégia que faz um trader vencedor, mas sim a maneira como ele lida com o mercado.  Você pretende investir no Forex? Então CLIQUE AQUI e tenha acesso a um E-Book Grátis!

Compartilhe

Posts relacionados

Anterior
« Prev Post
Próximo
Anterior Post »