Money management, uma técnica que pode salvar o seu dinheiro no forex

money management

Nos preocupamos em como investir o nosso dinheiro no mercado forex, lucrar altos retornos, aprender técnicas matadoras e formar um trading system divino. Porém, a maioria dos Traders esqueçem um fator fundamental, senão o principal de qualquer estratégia vencedora do fx Markert: o money management. Esta ferramenta, fará com que o investidor tenha o real controle do seu dinheiro, quanto será aplicado e quanto poderá ser perdido em cada operação.Quais os valores aceitáveis de perdas e a quantia máxima que pode ser colocada em jogo no Trade.

Um bom money management é aquele que o Trader o execute num sistema em que os seus lucros sejam consistentes e suas perdas, pequenas. No seu trading system o money management é uma parte de uma base que acho fundamental. Esta base é formada por três princípios: price action, controle psicológico e gestão de dinheiro. Para entrar numa operação, o investidor deve analisar o comportamento dos preços num determinado período de tempo, assim tomando conhecimento de pontos de entrada, de saída e pontos que não se deve fazer absolutamente nada. 

mercado forex
mercado forex
O money management refere-se à parte administrativa do Trade, o gerenciamento de dinheiro envolvido em cada operação. Uma regra que envolve todos os traders responsáveis do mercado forex é a de que devemos arriscar, no máximo, um valor entre 2% e 5% da conta de investimento, por operação. Porém, esse número, em muitos casos, é considerado alto. Considero que valores entre 1% e 2% são ideais para qualquer investidor.

Ademais, entrar numa operação  sem a utilização de um stop loss á praticamente um suicídio. É aí que existe um confronto de interesses na cabeça dos Traders perdedores. Acontece que o cidadão visualiza uma “tacada perfeita”, porém, segundo as regras do bom money management, o Trader descobre que se entrar naquela operação, o seu stop loss deverá ser posicionado numa área em que, se for atingido, destruirá um capital maior que aquele pré-determinado como máximo numa perda. Vamos supor que o nosso amigo investidor iniciante tenha uma conta de 20.000 dólares. Logicamente, o seu limite máximo de perda por operação é de 400,00 dólares, pois ele definiu 2% como perda máxima por negociação. Contudo, de acordo com os seus cálculos, nessa operação deverá ser arriscada a quantia de 600,00 dólares, ou seja, 3% de seu capital de investimento. A tentação é muito forte, pois o Trader tem a certeza de que o negócio será lucrativo. Contudo, isso fere um princípio básico das operações, que é o de não se autosabotar.

Ferir as regras do próprio sistema de negociação é terrivelmente catastrófico para o futuro de qualquer Trader. Além do mais, esse impulso obsessivo momentâneo, no longo prazo, não é interessante ao nosso trading system. As oportunidades existem de diversas formas e momentos, por que estragar uma estratégia de operação no forex por causa de alguns minutos? Devemos ter paciência suficiente para saber que se uma operação não é boa, poderemos esperar surgir uma outra oportunidade!

-Junior Dias

Gostou desta postagem? Por favor clique nas opções de compartilhamento nas redes sociais e deixe o seu comentário.

Junior Dias é um Trader Profissional no Mercado Forex. Sua carreira como trader começou em 2007, mas foi em 2010 que começou a ser lucrativo no Forex. Junior já deixou os indicadores técnicos de lado e hoje opera apenas com o Price Action. Atualmente recebe mais de 20.000 visitas mensais no seu site e já ensinou o Price Action a centenas de Traders. Você pretende investir no Forex? Então CLIQUE AQUI e tenha acesso a um E-Book Grátis!

Compartilhe

Posts relacionados

Anterior
« Prev Post
Próximo
Anterior Post »